...

Blog de Marketing Digital

Importações de produtos: Vale a pena?

Importações de produtos: Vale a pena?

  • A importação de produtos sempre fez parte da movimentação de diversos países, e é claro que isso não é diferente aqui no Brasil, ainda mais com a cada vez mais presente em nosso cotidiano, a importação se tornou algo ainda mais comum, com várias plataformas como AliExpress, Shein e Shoppe participando dessa função ativa. 

 

  • Com um preço muito mais atrativo do que o mercado interno, mesmo com eventuais taxações, a importação sempre se tornou algo visto com bons olhos tanto pelos consumidores quanto pelas empresas, que dependendo do fornecedor, conseguiam produtos baratos e pegar uma boa comissão em cima deles. 

 

  • Mas, a grande dúvida que fica é, mesmo com o dólar e o euro altos, ainda vale a pena importar produtos? Será que os itens que auxiliam no tratamento de efluentes ainda podem ser mais baratos se forem trazidos diretamente do exterior?

 

  • No texto de hoje, nós vamos solucionar todas as suas dúvidas sobre se atualmente, ainda vale ou não a pena importar produtos, seja para uso ou para suas revendas, bora conferir? Então vamos lá!

 

Produtos vindo da China tem ganhado prioridade

  • Quando falamos em importação, muitas pessoas lembram dos Estados Unidos, mas existe um país que vem ganhando a preferência e o coração dos brasileiros: a China. Devido ao seu preço extremamente mais barato, os produtos chineses têm se tornado uma ótima opção para nós, não à toa, todas as plataformas acima são chinesas. 

 

  • Como lá as são feitas praticamente pelo custo da matéria-prima do produto, tudo fica muito barato mesmo com o dólar em alta, comprar itens para consumo próprio ou revenda diretamente da China acaba sendo uma solução extremamente interessante. 

 

Enquanto a outros países como os EUA?

  • Falando de Estados Unidos, mesmo com o dólar elevado acredite, existem vários produtos que ainda são mais baratos e valem a pena ser importados, eletrodomésticos e tecnologias em geral como videogames e celulares, tendem a ter um preço muito menor, em termos comparativos, na época do lançamento o Playstation 5 com leitor custava 500 dólares, o equivalente a cerca de 2.560 reais, já no Brasil o valor era de 4.999,00 reais.

 

  • Já um iPhone 13 de 256 GB foi lançado nos EUA por 929 dólares, ou 4.765,48, já no Brasil seu valor é de 8.599,00 reais. Só aí dá para perceber a , que mesmo que você pague um valor considerável na taxa de importação, ainda sim, aqui o preço é basicamente o dobro. 

 

  • Isso faz com que esse tipo de produto, vale a pena ser importado, além desses, qualquer maior como roupas da Nike e Adidas, Óculos da RayBan, perfumes, entre outros, também tem o preço muito reduzido, o que faz que, mesmo com o dólar em alta, ainda seja benéfico, ou seja, assim como uma bomba hidráulica que é sempre  importante, a importação nos EUA, mesmo com contratempos, é uma solução muitas vezes mais viável. 

 

A importação foi facilitada nos últimos anos

  • Antigamente, importar produtos era uma tarefa nem um pouco simples, a realidade era bem diferente do que vemos hoje, com muitas dificuldades para que as pessoas e empresas conseguissem comprar os produtos de maneira simplificada, até mesmo a revenda e o trabalho com esse segmento era uma tarefa complicada. 

 

  • Atualmente, tudo está muito mais facilitado, existindo maneiras diferentes de produtos importados e comprá-los. São várias plataformas, até mesmo as gigantes do mercado como a Amazon, que trabalham com esse sistema, o que deixa tudo mais fácil. 

 

  • Na hora de vender, é possível usar algumas opções como o dropshipping, uma empresa de trading ou através do desembaraço aduaneiro, já para comprar, existem plataformas e envios de todos os cantos do mundo, basta uma simples pesquisa na que tudo aparece de maneira prática, simples e às vezes, até mais fácil do que comprar no Brasil. 

 

Mas afinal, vale a pena importar produtos?

  • Após colocar tudo na balança a resposta final é sim, vale muito a pena importar produtos, com a crise econômica no Brasil, mesmo com o dólar em alta, a maioria dos itens que vêm de fora acabam apresentando um preço muito mais razoável e acessível para os brasileiros. 

 

  • É claro que, você não vai sair por aí comprando peças para empilhadeira, porém outros produtos como os citados acima, podem ser uma ótima opção com um preço muito mais acessível, mesmo com taxas ou trâmites de importação, eles acabam saindo mais baratos.

 

  • Porém, é preciso tomar alguns cuidados, de 50 até 500 dólares, geralmente existe uma taxa de 60% em cima do valor do produto, enquanto até 1,8 mil dólares é necessário realizar uma declaração, fazer o balanceamento e conferir se vale a pena importar o produto mesmo assim. 

 

  • Não se esqueça de acessar um site de confiança, uma plataforma que te disponibilize segurança e vá fundo nas suas importações.

 

  • O que achou do de hoje? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e conte para a gente, quais os últimos itens que você comprou importado, compartilhe esse texto com seus amigos e familiares e até a próxima!

 

  • Esse artigo foi escrito por Iago Lourenço, criador de conteúdo do Soluções Industriais.

Related Posts

Mais artigos sobre marketing digital

beneficios processo comercial

Os benefícios do processo comercial para a qualidade, produtividade e inovação da sua empresa

O processo comercial desempenha um papel fundamental no sucesso de qualquer empresa. Ele engloba todas…

Seraphinite AcceleratorBannerText_Seraphinite Accelerator
Turns on site high speed to be attractive for people and search engines.