3% dos livros vendidos no Brasil são digitais

Written by Super User on . Posted in Blog

agencia-<strong>digital</strong>-campinas
No Brasil os e-books experimentam um ritmo de crescimento semelhante ao visto em países como Estados Unidos e Reino Unido quando o formato digital era novidade por lá. 3% do total de títulos comercializados por aqui em 2013 eram eletrônicos, de acordo com números divulgados pela Folha de S.Paulo.

Embora seja tímido, o percentual está dois pontos acima do registrado pelas maiores editoras do país em 2012, quando o digital representava 1% das vendas. A alta de 2013 coincide com a consolidação de grandes lojas de e-books, como Amazon, Google, Apple e Kobo, que completaram um ano de atividades no Brasil.

Em mercados onde o formato já pegou e representa mais de 20% do total houve desaceleração no ritmo de crescimento - que vinha precipitado até 2013. Mais de 5% dos livros vendidos em Alemanha, França, entre outros, eram digitais no ano passado.

e-Commerce fatura R$ 4,3 bilhões no Natal e supera expectativas

Written by Super User on . Posted in Blog

Crescimento em 2013, comparado ao desempenho de 2012, foi de 41%, segundo a consultoria e-Bit. Moda e Acessórios foi a categoria mais vendida

De 15 de novembro até 24 de dezembro, período considerado de compras natalinas, o comércio eletrônico brasileiro faturou R$ 4,3 bilhões, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira, 26/12, pela consultoria e-Bit. O que representa um crescimento de 41% em relação ao mesmo período de 2012.

A previsão inicial era de que o e-commerce nacional crescesse, nominalmente, 25%, em relação ao Natal passado, faturando R$ 3,85 bilhões. Mas as expectativas foram superadas. Nesse Natal, 10 milhões de pessoas compraram online. O número de pedidos feitos via internet chegou a 14,3 milhões e o tíquete médio ficou em R$ 300. A categoria mais vendida foi “Moda & Acessórios”, seguida por “Eletrodomésticos”, “Telefonia/Celulares”, “Livros” e “Informática”, respectivamente.

Pedro Guasti, diretor geral da E-bit, ressalta que a realização da Black Friday, no dia 29 de novembro, contribuiu para elevar os números do período. Na sexta-feira de descontos, o varejo online movimentou R$ 770 milhões, quebrando todos os recordes de faturamento do e-commerce brasileiro em um único dia. Na opinião do executivo, os consumidores aproveitaram os descontos relacionados à data para antecipar a compra dos presentes.

Google+